19 abril 2011

"CONHECER DEUS"

Algum dia você já ficou imaginando como seria Deus? Qual seria a imagem de Deus?
De um modo geral, nos vem à mente a figura de um ancião, barbas longas, brancas, muitas vezes sentado em um majestoso trono, a cuidar das coisas daqui de baixo...
A herança cultural que carregamos nos traz essa imagem que, ao ser analisada mais detidamente, vemos ser distante do que possa ser real.
Vejamos: Em que parte do espaço estaria Deus olhando para baixo?
Qualquer que seja essa resposta, nos perguntaríamos: E os outros planetas, os outros corpos celestes, que estarão acima, ao lado, atrás... Como Ele cuidará de todos esses, se já não estarão sob Seu olhar?
Ainda, por que a figura de Deus como um ancião? Será que Ele já foi jovem um dia? O tempo Lhe alterou o semblante, como acontece conosco?
E como pode o tempo alterar a figura de Deus, se Deus é a causa primeira, a origem de todas as coisas?
Podemos nos perguntar ainda, por que a figura masculina a representar Deus? Não poderia ser uma figura feminina, como acreditavam algumas culturas antigas?
Na dificuldade de transcender nosso pensamento, damos a Deus a figura humana, emprestamos ao Criador do céu e da Terra a pobre imagem humana, como se isso fosse suficiente e mesmo necessário para ver e entender Deus.
Ao considerarmos Deus como a Inteligência Suprema e a causa primária de todas as coisas, já não teremos a necessidade de representar a figura de Deus.
Como O sabemos a causa e origem de tudo é fácil entender que não há como representá-Lo na limitação de nosso pensamento e sentimento.
Percebemos que, se ainda não conseguimos entendê-Lo ou não há como representá-Lo, já O podemos sentir.
E sentimos Deus ao contemplar um pôr do sol a desdobrar o céu em inúmeros matizes, colorindo o horizonte, a cada dia, de maneira diferente.
Sentimos o Criador e toda a pujança do Seu amor a nos tocar, na grandiosidade da natureza que se faz bela, harmoniosa e generosa, dando-nos o suporte para a vida física no planeta.
Sabemos da presença de Deus quando nos emocionamos com o milagre da vida, que se repete infinitas vezes no ventre materno, permitindo que uma simples célula dê origem a um organismo complexo e ordenado, após nove meses de elaboração.
Se não conseguimos representar, entender ou ver Deus, já é possível tê-Lo em nossa intimidade.
Sem a necessidade de materializar ou personificar Sua figura, mas apenas senti-Lo, nos mínimos detalhes da vida.
Seja no microcosmo, na intimidade da organização celular, ou no macrocosmo, nas galáxias e estrelas infindas, aí estará a presença de Deus e de Seu amor, a cuidar de cada um de nós, Seus filhos.


O AMIGO, ANTONIO DAMASIO, ME ENVIOU ESTE TEXTO, E ACHEI ESPECIAL E RESOLVI COMPARTILHAR COM VOCÊS. 

6 comentários:

  1. Engraçado eu nunca imaginei Deus como um homem, nem mesmo quando criança...penso Nele como luz...

    Um beijo grande,

    Eli.

    ResponderExcluir
  2. Essa força estrondosa que ninguém explica, mas sente! Querida, tem um selinho que te ofereci no meu blog! Bjs

    ResponderExcluir
  3. Olá amiga,
    Estou passando para te desejar uma Páscoa recheada de amor, paz e harmonia. Quando puderes passa lá no meu blog, para visitar-me. Ficarei muito feliz.
    Beijos,
    Maria Paraguassu.

    ResponderExcluir
  4. Oi, Sonia

    Passei para te desejar uma Feliz Páscoa!

    Páscoa é ajudar mais gente a ser gente, é viver em constante libertação, é crer na vida que vence a morte.Páscoa é renascimento, é recomeço, é uma nova chance pra gente melhorar as coisas que não gostamos em nós. Para sermos mais felizes por conhecermos.

    Depois passe lá no meu blog AMADEIRADO e pegue o selinho comemorativo da marca dos meus 300 amigos, que completei hoje! Sem você, isso não seria possível!!!

    Bjkas!!!

    ResponderExcluir
  5. Olá amiga. Estive ausente durante a Semana Santa. Agora de volta, após a Páscoa, desejo-lhe renovação constante com muitas bênçãos em sua vida. Beijos.

    ResponderExcluir
  6. Sonia. Por estarmos ainda na infância da evolução espiritual e moral, precisamos dar a Deus uma imagem humana. Mas no fundo, o que importa é acreditar nessa força superior, criadora do Universo e no seu incondicional amor por todos nós. Linda postagem. Beijos.

    ResponderExcluir

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...